• Site
  • Facebook
  • Twitter
  •  

 

 

 

 

O Veículo Leve sobre Trilhos – VLT – foi inaugurado no centro do Rio de Janeiro em 2016 como parte de um projeto de revitalização da área central da cidade. Inspirado nos bondes antigos, um dos meios de transportes mais usados no Rio de Janeiro no século passado, os VLTs fazem a conexão da região portuária ao centro financeiro da cidade e ao aeroporto Santos Dumont.

Integrado a outros modais de transporte do Rio, o VLT tem ligação com metrô, ônibus convencionais, terminal de cruzeiros e Aeroporto Santos Dumont. O traçado tem duas linhas em operação em 28 quilômetros de extensão.

O ano de 2017 foi o primeiro de funcionamento completo do sistema e consolidou a operação do novo modal na capital fluminense. Ao longo do ano, o sistema atingiu a marca de 15 milhões de passageiros transportados em quase 150 mil viagens. Em 2016, haviam sido 10 milhões de viagens. Entraram em operação nove paradas/estações e a operação passou a contar com 2 linhas, em um total de 26 pontos de embarque e desembarque.

Destaques de 2017:

Linha 2 e novas estações

A Linha 2 iniciou a operação com as paradas Saara, Tiradentes, Colombo e Praça XV e a Linha 1 também ganhou os novos locais de embarque Providência e Harmonia. No segundo semestre, o VLT chegou à Central, junto com a parada Vila Olímpica e, por último, entrou em circulação a Praia Formosa, que atende às duas linhas.

Construção Linha 3

No segundo semestre foi anunciada a construção da Linha 3 em 2018, a última planejada para o modal no centro do Rio. O novo traçado começará com a parada na Central, passando pelas novas estações Itamaraty, Camerino e Santa Rita, antes de se encontrar com os trilhos das linhas 1 e 2 na Candelária, onde seguirá até o aeroporto Santos Dumont.

Pesquisa de Satisfação com o Cliente

Pesquisa do Instituto Datafolha realizada entre novembro e dezembro apontou que 92% dos usuários do VLT avaliaram positivamente o modal como uma forma eficiente de deslocamento. A rapidez foi apontada como o aspecto de maior importância (62%) para quem usa o VLT. Conforto (93%) e segurança operacional (87%) foram outros aspectos avaliados acima da média. A confiabilidade, que analisa quesitos como tempo de espera e quantidade de paradas não programadas, subiu de 46% para 85%. Em 2016, a pesquisa tinha apontado 88% de satisfação.

Conheça mais em www.vltrio.com.br

 

Dados Importantes



Mapa

Versão para impressão Envie para um amigo Compartilhe RSS